Memórias de um cozinheiro em NY

Publicado: janeiro 19, 2009 por E=m.c² em Literature, Tudo

New York, algum momento entre novembro e dezembro de 2007

Amigos são propagandistas.

Influenciado pelas leituras atuais,  tenho viajado no tempo e ha algum tempo vi o surgimento do Rio Grande do Sul pela ótica de Erico Veríssimo em “O tempo e o Vento”, não sei aonde sua mente se encontra no momento, mas sempre tento imaginar o que vc esta pensando, engraçado e um pouco egoísta, pois o que não te faz a pessoa que és senão pela liberdade que tens de pensar?

Amor só é bom se doer, os maiores sofredores viram escritores, pintores ou  poetas, é a dor alimentando a arte, o esforço da recompensa.

O mundo da cozinha fascina por infinitos motivos, um deles é o lado de brigada militar. A hierarquia e o respeito são a chave para o vencimento da guerra diária contra uma clientela que quer ser bem-servida de forma rápida e eficaz, é o lema aqui de Wall St. e do restaurante que estou no mo mento sob a orientação de um Iron Chef Executivo chamado Patrick  Vacariello.

A guerra diária começa cedo, somos obrigados a vencer, normalmente 30 de “nosotros”, contra 500 clientes e um bando de garçons – que na maioria das vezes jogam contra a cozinha.

Pelo menos 2 ou 3 horinhas por dia de adrenalina reanimam o corpo, de 18h as 21h o inferno esta montado, um ser chamado Chef de Cousine grita pedidos e exige comida “ in the window” em tempos cada vez mais curtos. Memória, organização, habilidade, resistência a dor, ao calor, à ambientes de ALTA PRESSÃO, soluções instantâneas sem tempo de arrependimento ajudam o cozinheiro a sobreviver.

Hoje foi uma noite punk rock `n’ roll, ainda bem que o green é de excelente qualidade e o whisky 15 anos.

P.Bala.

 

 

 

 

comentários
  1. Junior disse:

    É brother, ta me parecendo bem diferente de Grill de Ipanema

  2. Caco disse:

    É meu brother, ta parecendo mundos aparte de Grill de Ipanema

  3. Bruno disse:

    Boa, Paulinho, Parabéns. Enquanto se puder apreciar um wisk 15 anos no embalo do green, saberemos que, apesar de tudo, estamos fazendo as escolhas certas.

    Brasss

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s